Quem procura autopeças encontra o que precisa na DISPEMEC

Há mais de 29 anos a DISPEMEC atende às necessidades de clientes que não abrem mão de qualidade, praticidade e segurança na hora de comprar autopeças.

Acesse agora

Posts para » DVD

Como limpar o som do seu carro

blog dispemec

Limpar o carro é uma tarefa comum, que pode ser feita em casa ou em lava-rápidos. Mas durante o procedimento, um item costuma ser esquecido: o sistema de som.

Os aparelhos que compõe o som do seu carro também precisam de cuidados, para manter a qualidade do áudio e garantir uma vida útil maior.

É preciso apenas tomar cuidado na hora da limpeza de cada componente, para não danificá-los. Confira algumas dicas de como fazer a higienização desse sistema.

Alto-falantes

Para os amantes de tuning ou para quem adora ouvir música no carro, a potência dos alto-falantes é essencial. Mas, com o passar do tempo, ele acumula sujeiras que prejudicam a reprodução do som.

A boa notícia é que limpar esse componente é fácil: utilize sempre flanelas macias e secas. Se preferir ir até um profissional, peça para ele usar apenas uma pistola de ar comprimido ou uma lata de spray com ar.

É importante lembrar que os alto-falantes não devem nunca serem molhados com água ou produtos líquidos. Isso pode danificar as peças internas, como os fios de contato, a bobina móvel e o cone externo.

Leitoras

Os aparelhos de reprodução, como as leitoras de CD e DVD, podem ser limpos com flanelas macias e produtos específicos. Opte por produtos à base de água, pois o álcool pode retirar as especificações e a cor do aparelho

A parte interna das leitoras é mais delicada e, assim como os auto-falantes, não pode ser molhada. Uma boa opção é usar CDs de limpeza, eles possuem cerdas que servem como uma escovinha e limpam sem arranhar a leitora.

 

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com

 


Rádio automotivo: dicas para escolher o melhor modelo para seu carro

imagem dispemec

Escolher um som automotivo para o seu carro pode ser uma tarefa mais complicada do que você imagina, isso porque o mercado oferece diversas opções de rádios, com funcionalidades diferentes.

E para escolher o melhor som para o seu veículo, é importante conhecer essas opções e saber exatamente o que você deseja e espera do som do seu veículo.

Os modelos de sistema pronto são ideais para quem quer praticidade, pois são mais fáceis de instalar e ainda sim garantem diversão de todos. Vejas quais são os tipos e escolha o que mais combina com você:

CD Player

O mais usado e conhecido pelos consumidores, o CD Player tem funcionalidades básicas, nele é possível ouvir rádios AM e FM, tocar CDs e nos modelos mais novos, reproduzir músicas em formato MP3.

DVD Player

O DVD automotivo está se tornando cada vez mais popular, pois além de ter as opções do CD Player, ele diverte os passageiros com clipes, filmes e vídeos, como o DVD que você possui em casa.

Central multimídia

A central multimídia é uma junção de utilidades, que pode conter: reprodutor de MP3, DVD, CD, Tv digital, memória para armazenar músicas e até mesmo GPS. É claro a central multimídia possui um custo/benefício maior do que as outras opções e sua instalação exige mais do profissional.

A central multimídia é uma ótima escolha para quem tem filhos ou transporta crianças, pois podem ser conectadas a mais tela para que eles possam assistir filmes e desenhos durante uma viagem longa.

É importante lembrar que todos esses modelos, apesar de serem mais simples, precisam ser instalados por profissionais especializados, para que não haja nenhum erro na fiação e acabe prejudicando outros sistemas do carro.

Até a próxima,

Equipe Dispemec.com


Ajuda bem-vinda: sensor de estacionamento e câmera de ré

sensor_de_ré

 Qual o motorista que nunca encostou o para-choque na mureta ou no carro estacionado atrás? Ou subiu ou raspou os pneus na guia, fez uma baliza torta ou uma manobra complicada de marcha ré?

 

Pois é! Praticamente todos que dirigem já passaram por situações semelhantes. Mas graças à tecnologia, esses pequenos acidentes de percurso podem ser evitados com a ajudinha de sensores de estacionamento e câmeras de ré.

O conjunto de sensores de estacionamento vem com quatro pequenos sensores em cores variadas, como preto, branco, prata, para não alterar muito a estética do veículo.

 

A instalação costuma ser fácil. Mas como inclui fazer a passagem de fios até a central do conjunto e para o display que vai no painel ou na coluna do carro, é aconselhável pedir a um profissional de som automotivo ou de autoelétrica que realize essa parte.

 

Pra você saber se os sensores estão no lugar certo, veja se a distância entre eles é de 40 cm e se a altura de cada um em relação ao chão é a mesma para todos.

 

Depois é só testar. Engate a ré e simule o primeiro estacionamento com os sensores. Conforme o carro se aproxima de obstáculos atrás dele, o display do sensor emite um ruído parecido com um apito para alertar o condutor.

 

À medida que você se aproxima do objeto que está atrás, o volume e a intensidade do apito aumentam.

 

Pra dar uma mãozinha ainda maior, inclua a câmera de ré! Ela também é bem pequena  (do mesmo tamanho do sensor de estacionamento) e fica discreta se for instalada acima da placa do carro ou no para-choque, perto dos sensores de ré.

 

A imagem poderá ser transmitida em uma central multimídia, no GPS, no monitor alternativo ou em DVD.

 

E acredite: a câmera é ótima pra dar uma visão geral de tudo que está atrás do veículo quando você engata a ré. Opte por um modelo com a tecnologia infravermelha, que funcionará muito bem quando anoitecer ou em estacionamentos escuros.

 

câmera_de_ré

 

Integrando o sensor de estacionamento com a câmera de ré, não vai ter mais esse negócio de manobra malfeita. Pode apostar!

 

E se você vai comprar um carro novo, pergunte se o modelo escolhido pode ter sensor e câmera de ré. Muitos já vêm com esses itens. Alguns são tão modernos, que basta engatar a ré que a imagem da câmera aparece no retrovisor.

 

Pessoal, por hoje é isso!

Um abração e até o próximo post!

 

Equipe Dispemec.com