Quem procura autopeças encontra o que precisa na DISPEMEC

Há mais de 30 anos a DISPEMEC atende às necessidades de clientes que não abrem mão de qualidade, praticidade e segurança na hora de comprar autopeças.

Acesse agora

Posts para » balanceamento

Faça um check up no seu carro antes de descer a Serra

mecanica fácil - revisão antes das ferias

Todo bom motorista sabe da importância de fazer uma revisão no seu carro, principalmente antes de pegar estrada. O sol e o calor do verão, combinado com o tempo livre das férias, acabam sendo um convite para que muitas pessoas peguem a estrada rumo ao litoral. Para que você e sua família viajem em segurança, é fundamental cuidar de alguns itens do veículo. Confira com a gente!

Estradas bem pavimentadas e com poucas curvas normalmente possuem limites de velocidade maiores. (Apesar de alguns motoristas ultrapassarem esse limite, essa não é a melhor atitude: respeite sempre as leis de trânsito e dirija sempre dentro da velocidade permitida!)

Com uma velocidade maior, o que mais incomoda os motoristas é a falta de alinhamento e balanceamento. Quando o problema é o alinhamento, o motorista precisa ficar corrigindo a trajetória, pois o carro fica “puxando” para um lado. Nesse caso, o volante começa também a tremer quando o carro atinge velocidades entre 100 e 120 Km/h.

Subir e descer a Serra para ir ou voltar da praia exige um esforço maior do sistema de arrefecimento, das embreagens e das correias. Responsável por manter a temperatura do motor por volta de 90 graus, o sistema de arrefecimento é um dos que mais quebram quando os motoristas estão em viagens prolongadas. Isso acontece porque em subidas maiores, o motorista normalmente reduz a marcha e aumenta a rotação do motor, para não diminuir a sua velocidade. Esse aumento da rotação pode aumentar a quantidade de calor e dar mais trabalho para o sistema de arrefecimento.

Outro que precisa estar 100% antes da viagem é a embreagem. Ela tem a função de transmitir o torque e a rotação do motor para o câmbio e para as rodas. Quanto mais pesado estiver o carro em uma subida, mais será exigido da embreagem.

Na hora da descida, muitos motoristas reduzem a marcha para não sobrecarregar o sistema de freios. O problema é que as reduções repentinas podem quebrar a correia dentada, principalmente se ela já tiver mais de três anos ou uma quilometragem maior que 50 mil km.


Cuidados essenciais com seu carro para uma boa viagem

blog_dispemec_027_revisaoferias

Vai viajar nessas férias? Então não se esqueça de fazer a revisão do seu carro. Pneus, freios e equipamentos de segurança precisam estar em dia para garantir uma viagem segura. Ah, e não se esqueça de usar o cinto de segurança e prender bem a cadeirinha das crianças!

Confira alguns cuidados essenciais para curtir com a família sem dor de cabeça:

Pneus: calibre os pneus de acordo com as determinações do fabricante para um carro cheio. Eles devem estar sem desgastes e bolhas.

Sistema elétrico: cheque todas as luzes do carro: setas, freios, luz de ré, farol alto e baixo, pisca-alerta. Veja também se as luzes do painel do carro estão funcionando devidamente.

Para-brisa: a palheta deve estar fluindo bem no vidro dianteiro e traseiro. Se não estiver, no caso de chuva, você não terá uma boa visão.

Equipamentos de segurança: além de estepe, vale conferir se o macaco e as ferramentas, como triângulo e chave de roda estão dentro do carro. Nunca se sabe quando precisaremos desses equipamentos, não é?

Alinhamento e balanceamento: se os pneus e as rodas não estiverem alinhados e balanceados, o volante irá tremer e o carro terá desgaste maior na viagem. Aproveite e peça para checar o sistema de amortecedores.

Freios: imprevistos e acidentes podem acontecer. Por isso é essencial que o sistema de freios esteja em excelente estado para que você não tenha problemas. Confira na revisão discos e pastilhas.

Fluidos: óleo do motor, transmissão, direção hidráulica e embreagem devem ser conferidos, além dos filtros. Veja se o nível da água de arrefecimento e de limpeza do para-brisa está bom. E não esqueça de conferir o reservatório de gasolina para partida a frio, no caso de veículos flex.

Veículo revisado e malas prontas? Agora é só entrar o carro e aproveitar a viagem!


10 cuidados que você precisa ter ao volante (e fora dele) pra não ter prejuízo

blog_dispemec_cuidadodirecao

Sabia que muitas vezes os problemas com o seu veículo são causados por mal uso do carro e por manutenção precária? Pois é, a forma de dirigir de cada um afeta a durabilidade do carro como um todo, de peças isoladas e ainda eleva os custos de manutenção e combustível além de graves problemas como a quebra do câmbio.
Por isso, listamos esses pequenos erros que você deve evitar ao volante (e fora dele) pra não ter prejuízo!

Manobras
Quando for manobrar não vire o volante com o carro parado para não estragar o sistema de direção e jamais force o volante para virar mais do que ele pode. O correto é aliviar a pressão e manobrar novamente.

Segurar o carro com a força do câmbio
Fazer isso desgasta demais vários itens do veículo, principalmente os discos de embreagem. Por isso, quando estiver em um congestionamento ou precisar fazer a famosa rampa, procure não usar a força do câmbio e sim manter o pé no freio ou acionar o freio de mão (de estacionamento) e soltar quando o carro tiver que andar de novo.

Pneus
Subir em calçadas e meio fio sem rebaixamento? Não faça isso, principalmente se o pneu um pouco mais estiver murcho. Além de estragar o pneu ainda pode facilitar os problemas da direção e na suspensão.
Ah, e procure mente-los calibrados. Assim você economiza algo em torno de 20%.

Na hora de estacionar
Sempre que estacionar acione o freio de mão e nunca mais dê aquela aceleradinha com o carro parado, ok? Esse mal hábito só gera desperdício de combustível.

Não é descanso de mão
A alavanca do câmbio do seu carro não foi feita para descansar a mão. Existe somente para a troca de marcha, mas tem gente que usa como descanso de mão e quando vê precisa trocar todos os componentes do sistema de câmbio. Acredite, tem defeito que fica mais de 10 mil reais.

Será que sobe?
Sabe quando você faz um caminho diferente e se depara com uma subida muito íngreme, esburacada e cheia de pedras soltas? Pois é, pode ser que seu carro não suba. E insistir pode te fazer queimar a embreagem, acabar com o óleo da embreagem, desgastar os pneus e até desalinhar tudo.

Reserva
Evite andar com o carro na reserva de combustível. Isso pode te render uma pane seca (que dá até multa), problemas na bomba de combustível e até no motor do carro por conta das impurezas que a bomba contém.

Buracos e lombadas
Infelizmente aqui no Brasil é comum a maior parte das estradas e ruas serem uma imitação de queijo suíço com muitos buracos (muito mesmo)! E além dos buracos ainda temos várias lombadas. E passar por essas crateras e lombadas com o carro em velocidade média ou alta não é uma boa. Pode trazer dor de cabeça desnecessária. Então, enquanto ninguém os buracos, faça a sua parte (pelo seu carro e seu bolso) e passe bem devagar por estes obstáculos.

Carro sujo e exposto ao sol e chuva
Se você puder deixar o seu carro em uma garagem quando não estiver usando, nem pense duas vezes e deixe. A exposição exagerada ao sol e chuva podem deteriorar a pintura. E mais, procure deixar o seu carro sempre limpo (por fora, por dentro e nas peças). Sujeira pode favorecer a corrosão de inúmeros componentes num veículo.

De olho no óleo, balanceamento, alinhamento
Fique atento as datas das revisões, das trocas de óleo e da realização do balanceamento e alinhamento. Além de ser por uma questão de segurança também são cuidados para deixar o seu carro sempre jeitoso e preparado para enfrentar as ruas.

Bom pessoal, já deu pra ver que sai mais em conta cuidar direitinho do carro do que pagar caro pra arrumar depois né? E outra, com usando bem e tomando esses e outros cuidados, quando chegar a hora de revender o veículo será ainda mais fácil!

Até o próximo post!

Equipe Dispemec.com


Os cuidados que você precisa ter com os pneus do seu carro

blog_dispemec_020_pneus

Hoje, vamos falar sobre um item do carro importantíssimo para a prevenção de acidentes: os pneus! Se estiverem bem calibrados, com rodízio e balanceamento em dia, além de ser um aliado na sua segurança, ainda evita outros desgastes no veículo. Por isso, se liga nas nossas dicas e coloque tudo em prática!

Rodízio

Envolve inverter a posição dos 4 pneus e realizar a troca quando estiverem desgastados. Lembre-se do estepe também. Tem gente que esquece do pobrezinho e quando precisa, ele está em péssimas condições de uso. Veja no vídeo abaixo qual a maneira correta de fazer o rodízio dos pneus:


Calibragem

É fato: pneu mal calibrado ou vazio aumenta o risco de acidentes e outros prejuízos, como:

– Pneus vazios exigem mais do carro o que leva à maior queima de combustível

– Carro perde a estabilidade

– Quando mal calibrado, o pneu pode estourar a qualquer momento, principalmente em estradas, com alta velocidade

– O risco de derrapar com o carro é maior

Portanto, o ideal é seguir algumas dicas pra acertar na calibragem dos pneus:

– Procure calibrar semanalmente ou a cada 15 dias

– Se puder, calibre em algum posto próximo à sua casa e, de preferência, na parte da manhã, pra garantir que o carro e os pneus não estejam quentes demais

– Quanto mais carga tiver o carro, mais ar deve ser colocado nos pneus, principalmente nos traseiros, cerca de 2 ou 3 libras a mais que os da frente

A quantidade de libras recomendadas para a calibragem varia de acordo com o modelo do veículo, a potência do motor, quantidade de carga, temperatura, km que serão rodados, tipo de estrada e outras recomendações do fabricante. Mas no geral, as recomendações de pressão são:

Aro 13: 26 libras

Aro 14: 28 a 30 libras

Aro 15: 28 a 31 libras


Balanceamento

Começou a sentir vibrações no volante ou no assoalho do carro? É sinal de que está na hora de verificar as peças de suspensão e fazer um balanceamento nos pneus. Você só tem a ganhar se fizer o balanceamento no tempo certo:

– Menos consumo de combustível

– Evita problemas nas peças de suspensão

– Aumenta a durabilidade dos pneus

– Dirige com mais conforto

– Garante um carro mais seguro

Viu só? Avaliar os pneus não é nenhum bicho de sete cabeças e você só tem benefícios em manter tudo certinho.

Caso tenha alguma dúvida sobre o assunto, mande pra nós!

Forte abraço!


Equipe Dispemec.com


Revisão preventiva de fim de ano no seu carro

revisao

Fim de ano combina com pé na estrada, e isso exige cuidados extras no carro, para garantir a segurança dos ocupantes.  Por isso, não se esqueça de fazer uma revisão preventiva, ainda que o veículo tenha saído há pouco da oficina. Pra facilitar a sua vida, fizemos uma lista com os principais componentes que precisam ser verificados. Mas atenção: não deixe para a véspera, pois nem sempre é possível providenciar a troca ou conserto de uma peça de um dia para o outro.

Comece pelas rodas e pneus. Verifique se há amassados nas rodas, que podem murchar os pneus. Nesse caso, um borracheiro dá conta do recado. Se houver trincas, é preciso providenciar a substituição da peça. Não adianta tentar consertar, hein! A roda trincada pode se soltar com o carro em movimento e fazer o motorista perder a direção, causando graves acidentes.

Aproveite para fazer o alinhamento e o balanceamento dos pneus e, para ficar no acostamento o menos tempo possível e em segurança, verifique se a chave de roda, o macaco e o triângulo estão funcionando perfeitamente. Por fim, não se esqueça de calibrar os pneus. A pressão costuma precisar de adequação durante as viagens, de acordo com o peso da bagagem e o número de passageiros. Ah, verifique também as condições do estepe e troque se houver bolhas. Nessas condições, o pneu pode fazer estourar durante o trajeto.

Óleos, combustível e outros fluidos
O motor é exigido mais na estrada que na cidade. Por isso, verifique o nível e a validade do:
– líquido de arrefecimento
– óleo do motor e transmissão
fluido de freio
– fluido da direção hidráulica
– fluido da embreagem
– nível do combustível do reservatório de partida a frio (carros flex)

Atenção: se a data de validade desses fluidos estiver próxima do vencimento, é melhor fazer a troca antes da viagem, ok? Também vale a pena verificar se não há vazamentos.

Faróis, lanternas e piscas também devem ser verificados e, caso algum não esteja funcionando perfeitamente, a troca deve ser realizada o mais rápido possível. Esse bom funcionamento e, ainda, o uso correto desses itens podem parecer detalhes sem importância, até pela pequenez das peças, mas uma pesquisa norte-americana concluiu, por exemplo, que o uso de farol baixo ligado durante o dia reduz em 12% os acidentes envolvendo pedestres e ciclistas e em 5% as colisões entre veículos.
Por outro lado, só use o farol alto em vias sem iluminação pública e diminua a intensidade da luz ao cruzar com outro veículo na direção contrária.

A correta higienização dos vidros também está na lista da revisão preventiva, pois a sujeira faz a luz refletir e dificulta a visão. Cheque, ainda, o nível do reservatório de limpeza e o estado das palhetas – se estiverem ressecadas demais, não vão fazer o adequado escoamento da água.
Caso o carro não tenha desembaçador de vidros, vale a pena levar um pano e líquido desembaçante.

Por fim, mas não menos importante, não ignore ruídos ou rangidos. Mesmo se o carro tiver acabado de passar pela revisão programada, vá a uma oficina e verifique de onde vem o problema, que pode estar na suspensão. Isso gera problemas de instabilidade no carro e, consequentemente, pode causar acidentes.

É surpreendente como detalhes fazem toda a diferença na hora de garantir a sua segurança e de toda a família. Compartilhe-os com seus amigos e, se tiver mais alguma dica (ou dúvida), escreva pra gente aqui nos comentários.

 

Até a próxima!

Equipe Dispemec


Itens a serem checados antes de uma viagem de carro

car traveling

Embora seja muito importante, o hábito de checar alguns itens do carro, antes da viagem, não faz parte da rotina de muitos motoristas.

 

Se você acabou de fazer o check up, obviamente, não precisa revisar tudo de novo. Mas se o prazo estiver perto de expirar, e você ainda não puder adiantar a revisão completa, alguns itens merecem atenção. São simples, mas podem comprometer sua segurança e sua tranquilidade.
Olha aí!

Água
O sistema de arrefecimento funciona com água e é por isso que o nível precisa estar em dia. Além disso, o aditivo na validade também é imprescindível.
Nesse calor e com o pé na estrada por muito tempo, o motor tende a aquecer demais. Por isso, é essencial que o sistema de refrigeramento esteja em ordem, pra não ter sustos.

Só uma dica: se o nível de água estiver muito abaixo do normal, pode ser sinal de vazamento no sistema. Verifique!

 

Fluido de freio
Fluido de freio precisa estar na validade, e não há conversa. A consequência de deixá-lo passar do tempo é ficar com o freio sem ação. Imagine esse problema em uma situação de emergência? Pois é. Não vale a pena!
Além disso, fluido de freio é um item barato e fácil de ser trocado!

Pneus
Pneus não dão só conforto, não! Eles também garantem sua segurança na pista.
O TWI (saiba mais AQUI e AQUI) indica se o pneu tá careca ou não. Se estiver, a estabilidade do seu carro pode ficar zerada, assim como a capacidade de escoar água em dias de chuva.

Alinhamento e Balanceamento
Se depois da revisão você passou em um buraco ou deu uma pancada forte, é preciso levar seu carro pra checar o alinhamento e balanceamento das rodas.
Um veículo desalinhado fica sem estabilidade, principalmente em curvas. E se o problema for o balanceamento, você perde o controle em terrenos mais irregulares (o que é muito comum nas estradas do Brasil, infelizmente).

Temos um post bem explicadinho pra cada um desses temas. Vale a pena ler!

– Alinhamento: http://blog.autopecaonline.com/?p=405

– Balanceamento: http://blog.autopecaonline.com/?p=413

 

Calibragem dos pneus
A sugestão é de calibrar os pneus semanalmente, pra garantir que a pressão fique em equilíbrio. Mas, ainda assim, muita gente esquece. Mas não fazer antes de viajar é inadmissível, camarada. Bora encher esses pneus aí! Sua vida e seu bolso agradecem (leia mais aqui: http://blog.autopecaonline.com/pneus-calibrados-economia-e-seguranca/ )

Palhetas
As pobres palhetas de para-brisa sempre são esquecidas, mas têm tanta importância quanto os itens acima, hein!
Se você pegar uma chuva forte no meio da viagem, sua visibilidade pode ser seriamente comprometida. Não durma no ponto, amigo. Palhetas são itens baratos e de fácil manutenção.

Olha aí: https://www.youtube.com/watch?v=xILyNXiAJpo

É isso aí! A gente se vê na próxima semana!

Abraço forte,

Equipe Dispemec.com

 


O que você pode fazer pelo seu carro?

carro

Como todo equipamento, um carro exige alguns cuidados básicos para ter uma vida mais longa. Se forem bem tratados, os veículos atuais podem rodar por muitos anos sem maiores problemas. Além disso, essas medidas preventivas, além de representar economia e segurança, garantem a valorização de seu patrimônio na hora da revenda. Veja algumas dicas para conservar e prolongar a aparência e a vida de seu carro.

EQUIPAMENTOS DE EMERGÊNCIA

Estepe, extintor de incêndio e o triângulo de sinalização: são obrigatórios e você pode ser multado caso não tenha;
Macaco ou chave de roda: são de apoio, mas não são obrigatórios. Em emergências você precisará deles e é bom que estejam à mão e prontos para serem usados; Leia mais…