Quem procura autopeças encontra o que precisa na DISPEMEC

Há mais de 28 anos a DISPEMEC atende às necessidades de clientes que não abrem mão de qualidade, praticidade e segurança na hora de comprar autopeças.

Acesse agora

Posts para » amortecedores

Muita atenção para a suspensão

blog_dispemec_030_suspensão

Seu carro está com algum barulho diferente ou de uma hora para outra você sentiu algum desconforto na hora de dirigir? Fique atento. O problema deve estar na suspensão do seu possante. E quando entendemos os sintomas, fica mais fácil identificar o problema para solucioná-lo a tempo.

Como já conversamos nesse post, as molas e os amortecedores são os primeiros que recebem o impacto causado pelos buracos de ruas e estradas irregulares.  O impacto é então transferido para as rodas do carro, que começa a trepidar.

Nesse momento entram em ação o braço oscilante e o pivô, que sustentam e servem de apoio à coluna da suspensão e auxiliam no movimento de sobe e desce das molas e amortecedores, inibindo possíveis ruídos.

Para segurar o carro em altas velocidades, a barra estabilizadora é a responsável por fazer a ligação entre a suspensão traseira e a dianteira, oferecendo a estabilidade do carro, tanto nas retas quanto nas curvas.

Não é muito difícil perceber quando algo está fora do eixo. Todas as peças quando estão  gastas fazem com que o carro perca a estabilidade e apresente ruídos na suspensão. Fique atento para perceber o problema cedo e, assim, não causar mais danos para o seu carro.

Ah, e se precisar de peças, você já sabe onde encontrar 😉 

Até o próximo post!

Equipe Dispemec.com


13 itens do carro para verificar antes de viajar

revisao_feriado

Oba! Este ano a lista de feriados tá boa! Dá pra todo mundo programar as viagens com a família e passeios mais longos.

Mas antes de colocar o pé na estrada, é importante checar uma outra lista: a da manutenção do veículo! Afinal, ninguém quer passar por perrengues durante os dias de folga, não é mesmo?

Pensando nisso, fizemos este check-list com os 13 itens do carro que você deve verificar antes de viajar.

 

Pode pegar, copiar, compartilhar estas dicas…. É pra facilitar a vida de todo mundo.

1. Documento do carro e do motorista

Ok. Documento não é peça do carro, mas nenhum veículo pode circular por aí sem documento ou com o licenciamento e seguro obrigatório vencidos.

Então, por favor, certifique-se de que está levando o documento do carro e a sua habilitação. Ah, e não vá viajar com a habilitação vencida, hein?!

2. Pneus

Veja se os pneus não estão carecas e se a calibragem está correta. Não se esqueça do estepe. Vai que você precisa dele!

 

3. Freios

Os freios e o fluído também devem ser checados. Pedal duro e trepidações são sinais de que algo não está de acordo.

4. Faróis e lâmpadas

Todos os faróis, setas e a luz de freio devem estar funcionando. Caso contrário, como você vai sinalizar as manobras e evitar colisões?

5. Limpador de para-brisa

Verifique as lâminas, as borrachas e o reservatório de água do para-brisa. Se chover e esses itens não estiverem funcionando, com certeza a sua viagem vai se tornar uma leve dor de cabeça.

6. Itens obrigatórios

Macaco, extintor de incêndio e triângulo não devem sair do seu carro, concorda? A não ser que o prazo de validade do extintor esteja vencido. Aí, é hora de trocar e recolocar no lugar.

7. Combustível e óleo

Viajar com o combustível na reserva? Jamais! Abasteça o suficiente para não correr o risco de parar na estrada. Verifique também o nível de óleo e, se for o caso, troque-o conforme o indicado do manual do veículo.

8. Filtro de ar

O filtro de ar e o óleo devem ser trocados ao mesmo tempo para não diminuir a vida útil do lubrificante.

 

9. Velas e cabos

Estar com as revisões do carro em dia garante que esses itens sejam trocados no tempo certo. As velas, por exemplo, devem ser examinadas a cada 10 mil km rodados e os cabos, a cada 50 mil km.

10. Amortecedores

Os amortecedores e todos os itens do sistema da suspensão – buchas, molas, bandejas – também merecem uma inspeção mais minuciosa antes da viagem.

11. Correia dentada

Essa peça deve ser trocada em média a cada 50 mil km rodados. Mas dependendo do quanto você usa o carro, é bom verificar a correia dentada a cada 15 mil km, quando podem aparecer desgastes.

12. Radiador

Lembre-se de pedir pro seu mecânico que confira o funcionamento do radiador, da bomba d’água, da ventoinha e da válvula termostática.

13. Alinhamento e balanceamento

Como já dissemos antes neste link, o carro desalinhado perde a estabilidade e pode ocasionar acidentes. E a falta de balanceamento compromete o controle que o motorista tem sob o carro. Portanto, são itens que não podem ser esquecidos.

Use essa listinha pra facilitar a sua vida antes de qualquer viagem, mesmo das mais rápidas, nos finais de semana! 😉

Até a próxima!

Equipe Dispemec.com


A manutenção do carro influencia na segurança de todos

colisao_carros

A gente já falou aqui no blog sobre os 7 principais itens da direção defensiva; porém, para a segurança no trânsito, não é apenas o modo de dirigir que conta.

Vários outros fatores, desde o respeito às normas, a condição das vias até a habilidade e o estado emocional e físico do condutor, influenciam a segurança de cada um dos envolvidos na situação: motoristas, ciclistas, motociclistas e pedestres.

Mas tem muita gente que ainda se esquece do principal: as condições do veículo.

Se o motorista não atentar para os cuidados com o carro, pode se acidentar e ainda comprometer a segurança de outras pessoas.

Pra evitar que isso aconteça, é importante verificar sempre:

  • Pneus

Veja sempre se eles estão de acordo com as normas, se não estão murchos ou calibrados demais. E lembre-se: pneu careca não vai te levar a lugar algum – a Polícia Rodoviária Federal estima que 20% dos acidentes nas estradas são causados por carros com pneus carecas!

  • Amortecedores

Um carro com os amortecedores vencidos fica mais vulnerável às depressões na pista e, portanto, mais instável e suscetível a sair da faixa e atingir outros veículos. Entre neste link e saiba quando eles devem ser trocados!

  • Freios

Você não está numa cena do filme “O Carro Desgovernado” e nem em “Velocidade Máxima” pra ter que andar como se não precisasse dos freios. Portanto, verifique se eles não estão gastos, se o freio de mão está em ordem e, claro, se está tudo certo com os componentes dessa peça, como o óleo de freio.

  • Alinhamento e balanceamento

Entrar nas curvas com um carro desalinhado é perigoso, pois ele pode perder a estabilidade e  causar acidentes.

Já a falta de balanceamento compromete o controle que o motorista tem sob o carro nos terrenos irregulares.

  • Palhetas

As esquecidas palhetas dianteiras e traseiras ajudam e muito para a segurança no trânsito. Imagine dirigir em uma baita chuva sem elas… visibilidade zero e muitas chances de colisão!

  • Faróis e lanternas

Circular sem farol é como um míope andar sem óculos. O condutor não enxerga nem o que está na frente e nem atrás e sai batendo em todos os cantos. Por isso, mantenha os itens de sinalização funcionando!

Bom, pessoal, acho que já deu pra notar a importância da manutenção preventiva do veículo, tanto para o bem-estar de quem dirige com para quem está no seu caminho. Aproveite essas dicas e compartilhe com seus amigos!

Um abraço!

Equipe Dispemec.com


Como saber se está na hora de trocar os amortecedores do seu carro

amortecedor

A verdade é que não é tão fácil como muita gente pode imaginar, perceber quando um amortecedor está danificado.
Veja, abaixo, alguns indicativos de que esta peça pode não estar em pleno funcionamento.

 

– Pouca resposta na direção, ou seja, você vira e o carro parece que não obedece direito.
– Rigidez ao fazer manobras, a direção fica  dura, irregular ou instável
– Ruídos ouvidos atrás das rodas, que mais parecem o rangido de uma cama velha.
– Vazamento de fluido percebido próximo às rodas.
– Inclinação excessiva ou instabilidade durante a frenagem. Se notar isso, não demora para tomar uma providência.
– Balanço ou inclinação na hora de trocar de pista .
– Desgaste irregular do s pneus

 

Xiii, se seu carro apresenta alguns desses sinais é hora de procurar um mecânico.

 

Agora, outra dica: para evitar o desgaste dos amortecedores:

 

–  Evite ultrapassar o limite de carga do seu carro
–  Faça regularmente o alinhamento das rodas
–  Tome cuidado para não passar em alta velocidade sobre lombadas ou buracos

 

Lembre-se que o amortecedor tem a função de manter o contato dos pneus com o solo, além de suavizar os impactos causados por ruas e pistas danificadas, garantindo a segurança dos motoristas e passageiros.
De olho, sempre!

Até a próxima!


Amortecedores do seu carro – vida útil, revisão e troca

amortecedor

Muita gente ainda confunde, mas são as molas que fazem a sustentação da massa do carro, e não os amortecedores. Estes amenizam a movimentação do carro, melhorando o conforto, a dirigibilidade e promovem o atrito contínuo do carro com o asfalto, garantindo segurança.

Dependendo do tipo de trabalho do seu veículo (se roda mais em asfalto ou terra), a vida útil desses itens é mais longa ou mais curta.
O fato é que sempre há a necessidade de fazer a troca dos amortecedores. E o mais importante, vale frisar, que essa troca precisa ser preventiva e não uma troca corretiva.

Se você, caro proprietário, não se atentar aos prazos de revisão dos amortecedores, e levar o veículo ao mecânico só quando a coisa estiver braba, você pode estar dirigindo, por aí, com sua vida na corda bamba.

Porque, como já falamos no comecinho deste post, essas peças não só cuidam do seu conforto, pra que você rode macio por aí, não. Os amortecedores são, acima de tudo, itens de segurança!

 

Carro com sistema de amortecimento desgastado, sem resposta ao estímulo, é carro sem estabilidade, que pode perder o controle em uma curva, ou que pode te fazer passar aperto com uma aquaplanagem.

É sério, camarada. Revise essas peças a cada 40.000 km, no máximo!
Porque o estado visual pode estar bacana, mas a resposta de compressão do fluido ou expansão pode (e vai estar) comprometida.

Outra coisa importantíssima, tanto pro mecânico quanto pro motorista: nem leve em consideração utilizar amortecedores recondicionados!
Todas as partes, que compõem essa peça, sofrem desgastes irreparáveis e muita gente por aí faz a troca do óleo, acha que tá tudo bem e não tá. É muito mais seguro comprar amortecedores novos, com garantia e segurança.
Não caia nessa, hein!

 

E dá pra fazer essa revisão preventiva, com economia.
Este link aqui é prova disso: Amortecedores e kits

 

É isso aí, amigo!

Abraço forte,

Equipe Dispemec.com


Cuidados na hora do alinhamento.

alinhamento

Segurança e economia são essenciais quando o assunto é carro. O alinhamento tem a missão de deixar o volante centrado e as rodas paralelas entre si em relação ao centro do carro, de forma que a banda de rodagem dos pneus toque o solo de modo uniforme na trajetória do veículo.

Isso proporciona economia de combustível e evita desgastes excessivos e anormais de três componentes:

– Amortecedores;

– Molas;

– Pneus.

Os especialistas recomendam conferir o alinhamento a cada 10.000 km ou no caso de acontecer algum incidente que possa causar danos no veículo, como quando o carro encara um buraco mais profundo.

  Leia mais…


Quando os amortecedores do seu carro precisam ser trocados? Você sabe?

Quando os amortecedores do seu carro precisam ser trocados Você sabe

Ao contrário do que muita gente pensa, os amortecedores não estão relacionados apenas ao conforto do motorista e dos passageiros, nos momentos em que o carro atravessa ruas e estradas com desníveis, buracos, lombadas e outros obstáculos.

Os amortecedores têm duas funções principais: controlar os movimentos das molas e manter os pneus em contato contínuo com o chão.

O sistema de amortecimento está diretamente ligado à estabilidade do veículo e, consequentemente, à segurança de quem está dentro dele. Algumas pesquisas, inclusive, comprovaram que amortecedores inconsistentes aumentam o arraste do carro após uma freada repentina. Por isso, é muito importante saber identificar os sinais indicam que os amortecedores não estão bons. Leia mais…