Quem procura autopeças encontra o que precisa na DISPEMEC

Há mais de 29 anos a DISPEMEC atende às necessidades de clientes que não abrem mão de qualidade, praticidade e segurança na hora de comprar autopeças.

Acesse agora

Conheça os filtros que protegem o motor do seu carro e saiba quando trocá-los.


Conheça os filtros que protegem o motor do seu carro e saiba quando trocá-los.

Você sabia que o motor de um carro depende de três elementos básicos para funcionar? São eles: combustível, ar e óleo lubrificante. Para que esses três componentes estejam em perfeitas condições de pureza ao entrarem na câmara de combustão, eles passam por filtros que separam as partículas indesejadas, atuando como uma espécie de sistema imunológico.
Para que você saiba exatamente como deve ser feita a manutenção desses componentes é fundamental que você entenda como cada um deles trabalha.


Filtro de óleo

O óleo serve para que as peças metálicas do motor não se atritem ou se fundam quando em altas temperaturas, daí o termo “fundir o motor”. Com o tempo, os filtros vão entupindo, diminuindo a pressão de óleo dentro do motor e comprometendo a lubrificação. Para evitar que isso aconteça, recomenda-se trocar o filtro de óleo todas as vezes que for necessário realizar a troca do óleo do carro. Há quem diga que a substituição pode ser feita a cada duas trocas de óleo, mas para os especialistas trata-se de um mito.

O primeiro prejuízo ao se adiar a troca do filtro é o aumento do consumo e do nível de emissões de gases poluentes. O lubrificante com impurezas altera o ponto ideal para a queima do combustível e, como parte dele também é queimada na combustão, todas essas partículas, como as borras, acabam expelidas para fora do veículo.

O óleo mal filtrado também provoca um desgaste prematuro de algumas peças do motor, como pistões, cilindros, anéis, válvulas e mancais. Vale a pena arriscar? Com certeza não.

 

Filtro de ar

O filtro de ar tem a função de garantir que o ar que será comprimido junto com o combustível nas câmaras de combustão esteja livre de impurezas. Instalado em um reservatório ao lado do motor este componente é capaz de “peneirar” partículas de até 5 microns (5 milésimos de milímetro).

O filtro de ar deve ser trocado a cada 7.500 km, média calculada da seguinte forma: o filtro é projetado para rodar 5.000 km em condições severas ou 10.000 km em condições intermediárias. O valor indicado é, portanto, a média desses casos.

Uma dica importante para o momento da troca do filtro de ar é fazer a aspiração dos resíduos que restaram no reservatório após a substituição. Outro ponto importante é não deixar o local aberto por muito tempo.

Filtro de combustível

A gasolina, o álcool ou o diesel, usados no abastecimento dos veículos costumam carregar uma série de impurezas, absorvidas do ar e dos reservatórios que armazenam o combustível durante o trajeto da refinaria até o posto. O filtro de combustível tem, justamente, a responsabilidade de barrar essas partículas e impedir que elas comprometam os componentes de injeção, tais como a bomba de combustível e os bicos injetores.
Para saber qual é o momento certo para a substituição do filtro de combustível, o proprietário deve seguir a recomendação prescrita no manual do veículo.
Filtro de óleo, filtro de ar e filtro de combustível? Na loja virtual da Dispemec tem.
Acesse: http://autopecaonline.com/categories/Filtros/


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,