Quem procura autopeças encontra o que precisa na DISPEMEC

Há mais de 28 anos a DISPEMEC atende às necessidades de clientes que não abrem mão de qualidade, praticidade e segurança na hora de comprar autopeças.

Acesse agora

Carteira de motorista digital é aprovada pelo Contran


EBC / Agência Brasil

O Contran (Conselho Nacional de Trânsito) aprovou, nesta terça-feira, 25 de julho, a Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica, uma versão digital da CNH, nomeada de CNH-e.

De acordo com o Ministério das Cidades, essa versão do documento terá o mesmo valor jurídico do impresso e estará disponível a partir de fevereiro de 2018.

Para ter acesso a essa versão digital, os motoristas terão que baixar um aplicativo de smartphone e fazer o cadastro. Durante uma blitz, policiais e agentes de trânsito irão utilizar um sistema de assinatura com certificado digital ou um leitor de códigos QR para verificar a CNH-e.

O aplicativo está em fase de testes, para garantir o  funcionamento de um conjunto de padrões técnicos e irá usar a tecnologia da criptografia. A CNH digital tem como objetivo manter a segurança dos motoristas e evitar possíveis fraudes, como a clonagem.

O dispositivo ainda irá permitir que os agentes de trânsito consultem outros dados do indivíduo. Mesmo com o novo formato, a Carteira Nacional de Habilitação continuará sendo impressa e deve ser apresentada normalmente pelos motoristas.

Fonte da imagem: EBC/Agência Brasil

 

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com

 


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , , ,

Gestantes: cuidados e dicas ao volante


^AF3227271928E12B77356AEF62F78AD1B0A630CD74B26C7948^pimgpsh_fullsize_distr

A gravidez é um período muito especial, que exige que algumas atividades comuns sejam feitas com mais cuidado, como dirigir.

O ideal, é que a mulher evite se estressar no trânsito ou se envolver em situações de forte impacto, como uma brecada brusca.

Mas para muitas pessoas, é impossível não utilizar o carro para trabalhar, estudar e fazer outras atividades diárias. E por mais que não exista leis de precaução para essa fase, existem alguns cuidados ao volante que podem tornar as trajetórias das futuras mamães mais seguras. Confira:

Período da gestação

Se a gestação não tiver nenhum risco ou complicação constatada pelo médico, a mulher pode continuar dirigindo até cerca do 8º mês. Depois desse período, o bebê já está comprimindo muito a bacia da mãe e o desconforto, cólicas e necessidade de fazer xixi aumenta – não sendo as melhores situações para estar dentro de um veículo.

Cinto de segurança

Em qualquer situação o cinto de segurança é essencial e diferente do que muitas pessoas pensam, durante a gravidez ele pode (e deve) ser usado normalmente. O seu posicionamento continua o mesmo: a faixa diagonal passa pela linha dos ombros e pelo meio do peito, já a faixa horizontal fica logo abaixo da barriga.

Mesmo que a barriga esteja muito grande, o cinto continua sendo obrigatório, tanto para a mamãe que for dirigir quanto para a passageira. Como o cinto não passa pelo meio da barriga, não afeta em nada o bebê, só ajuda a protegê-lo em caso de impacto.

Distância do banco

O banco precisa estar em uma distância confortável e que acomoda a barriga, preste atenção apenas se a distância não irá atrapalhar o contato com os pedais. A posição do banco também deve estar confortável, mas o quanto mais reto estiver o apoio das costas, mais reta sua postura ficará e menos dores irá sentir.

Mesmo que a gravidez não tenha nenhum risco, dirija apenas quando realmente for necessário. Não exagere na velocidade nem no tempo que passará no trânsito, todo estresse deve ser evitado nessa fase.

Até a próxima,

Equipe Dispemec.com


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , , ,

Por que o motor flex faz mais ruído com álcool?


Dispemec motor flex

Donos de carros flex já devem ter observado: quando abastecem com gasolina, o carro funciona de maneira mais fluida, sem ruídos. Já quando o abastecimento acontece com álcool, a história é outra: o motor fica mais ruidoso e não funciona tão suavemente. Mas por que isso acontece? Estaria o etanol estragando o motor?

Na verdade não. Os carros flex estão totalmente preparados para receber tanto o etanol quanto a gasolina, por isso o uso de qualquer um dos dois é totalmente seguro.

A questão do ruído acontece pela natureza do combustível. A gasolina é naturalmente mais oleosa, por ser um produto derivado do petróleo. Já o etanol, que tem origem vegetal, é uma solução com menos viscosidade.

Na linguagem popular, a gasolina é classificada como “oleosa”, enquanto o álcool é “seco”.

Por ser menos lubrificante, quando é usado o etanol, existe mais atrito entre os componentes móveis do motor. Isso causa um nível maior de ruído e vibração.

O tipo de combustível, porém, não é o único fator que influencia no funcionamento do motor. O uso de aditivos, tanto para a gasolina quanto para o etanol, aumenta seu poder lubrificante. Tecnologias anti-atrito também auxiliam na diminuição da vibração e barulho.


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , ,

5 modificações que podem melhorar o desempenho do motor


blog dispemec

Quando pensamos em aumentar a potência do motor de um veículo, a primeira coisa que vem a cabeça é adicionar um turbocompressor.

Essa peça realmente faz muito diferença no desempenho do motor, mas existem outras modificações que podem aumentar a qualidade de rotação das peças. Confira algumas delas!

Troca dos componentes do sistema de ignição

A troca dos injetores e da bomba de combustível melhora o fluxo de pulverização do líquido que fica na câmara de combustão – responsável por fazer o motor funcionar. Isso acontece pois essa modificação ajuda a misturar o ar e o combustível, tornando a combustão mais eficiente.

Filtros esportivos

Além de trocar os componentes de ignição, você também pode optar por colocar filtros esportivos no seu carro. Eles diminuem a resistência da passagem do ar na admissão do motor. O ganho de potência com essa modificação não é grande, pode chegar até cinco cavalos, mas em conjunto com outras mudanças, fazem muita diferença.

Escapamento esportivo

O escapamento esportivo tem como função diminuir a resistência da saída dos gases de escape, o que pode aumentar em até 15% o rendimento do motor. Muitos veículos já possuem o escapamento esportivo de fábrica, para garantir o rendimento natural do motor.

Pistões e bielas de liga nobre

Para quem irá optar em colocar o turbo no motor, a troca dos pistões e das bielas por modelos nobres, é necessária. Eles são mais leves do que os modelos originais e aumentam muito a carga sobre os outros componentes do motor.

Virabrequim com alta resistência

Assim como os pistões e as bielas nobres, o virabrequim com alta resistência é mais leve e forte do que os originais. Isso traz um bom ganho de potência, pois essa peça é uma das que mais recebe pressão durante o funcionamento do veículo.

O virabrequim é responsável por levar o fluxo de potência para a saída do motor e para a entrada da transmissão. E uma peça mais com maior resistência ajuda a diminuir as perdas mecânicas durante esse processo.

Não se esquece de que todas essas alterações são muito complexas em relação a outros serviços. Por isso, devem ser feitas por um profissional da área mecânica. Assim você evita futuros problemas e terá maior garantia do serviço.

 

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com

 


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , , ,

Câmara aprova fim da multa para quem esquecer CNH


blog dispemec

A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados, aprovou no dia 21 de junho o projeto de lei que barra a multa e apreensão do veículo, para quem esquecer a CNH.

Mas calma, não vai sair por aí sem a sua documentação, pois a decisão ainda irá seguir para o Senado e, se algum deputado discordar, será levada para o plenário da Câmara.

O projeto, que é foi uma proposta inicial da ex-deputada Sandra Rosado e da atual deputada Keika Ota, do PSB, prevê que o agente de trânsito deverá checar as informações do veículo e do motorista por meio de consultas no banco de dados digital.

Se as informações necessárias não forem encontradas, o motorista terá até 30 dias para apresentar seus documentos para o órgão responsável e provar que o veículo está regularizado.

Mas enquanto isso, a lei original ainda é válida: quem for pego sem os documentos obrigatórios, pode receber uma multa de infração leve no valor de R$88,38. Então não esqueça seus documentos, os mantenha sempre em um local seguro do carro ou da sua carteira.

 

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Combustíveis: conheça os tipos e diferenças


diferença dos combustíveis

O seu carro está chegando na reserva, isso significa que é hora de abastecer. Você vai até o posto e chegando lá o frentista pergunta qual combustível será o escolhido.

Mas são tantas opções, que surge a dúvida: gasolina comum, aditivada, premium ou será que é melhor optar pelo etanol?

Para não ter mais dúvidas, conheça as características e os tipos de combustível que são oferecidos pelos postos e saiba qual o melhor para o seu veículo. Confira!

Gasolina Comum
A gasolina comum é o tipo de combustível mais usado em carros de passeio no Brasil. Mas apesar de sua popularidade, a gasolina comum lança gases tóxicos na atmosfera, o que prejudica muito o meio ambiente. Além disso, a queima desse combustível deixa resíduos nas válvulas de admissão do motor, o que pode interferir no bom funcionamento do veículo.

A gasolina comum possui 27% de etanol anidro em sua composição, 87 IAD (índice antidetonante) e um teor máximo de 50 ppm (partes por  milhão) de enxofre.

Gasolina Aditivada
Sua diferença para a gasolina comum é que tem em sua composição detergentes dispersantes, que ajudam na limpeza dos sistemas do carro e aditivos que melhoram a lubrificação dos componentes do motor. É indicado que a cada quatro tanques, seja feito o uso da gasolina aditivada.

Gasolina Premium
A gasolina premium é indicada para veículos de alta performance, como os carros esportivos de luxo. Sua vantagem é que a composição ajuda a aproveitar o potencial do motor, dando mais autonomia e desempenho nas ruas e estradas.

Se você tem um carro comum, também pode fazer o uso da gasolina premium, mas para carros de passeio ela funciona como uma gasolina comum.

Gasolina Formulada
Você conhece a gasolina formulada? Ela é a opção mais barata, pois é feita com derivados de petróleo combustíveis, misturados com outros elementos. Apesar de não possuir os aditivos da gasolina aditivada, ela não fará mal para o carro, pode apenas exigir maior consumo.

Etanol
Diferente da gasolina, que possui o petróleo como matéria prima, o etanol é feito com componentes vegetais – no Brasil é feita com a cana-de-açúcar. Ele apresenta aproveita mais o potencial de cada motor, coisa que a gasolina não faz. O etanol também é sustentável e pode ser mais econômico.

Etanol Aditivado
O etanol também possui sua versão aditivada, que oferece algumas vantagens para o carro, como: a limpeza e proteção dos bicos injetores e do sistema da injeção, possui anticorrosivos e reduzem o atrito durante o funcionamento do carro.

Agora que você já sabe a diferença, compare as características e os preços e faça a melhor escolha na hora de abastecer.

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com

 

 


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , ,

Vai viajar? Veja o que não esquecer antes do passeio


Dispemec

O feriado chegou e muitas pessoas irão descansar fazendo uma viagem com a família ou com os amigos. Mas será que está tudo pronto mesmo?

Você já pensou nos pequenos detalhes – que fazem toda a diferença -, como os horários e a revisão do seu carro? Veja nossas dicas e não deixe nenhum imprevisto estragar o seu passeio!

Horários de trânsito

Na maioria dos feriados, o fluxo de carros aumenta muito, apenas em São Paulo, é previsto que cerca de 1,7 milhões de veículos deixem a cidade. Para evitar o trânsito, não saia de casa após o horário comercial, entre 18h e 21h.

Revisão do veículo

Outro item importante é fazer a revisão do veículo e isso vai além dos pneus. Verifique os fluidos do motor e dos freios, as palhetas, os filtros de ar, os amortecedores, as velas e cabos. Tudo precisa estar em perfeito estado para o veículo funcionar corretamente.

Farol nas estradas

O uso dos faróis nas estradas, mesmo que de dia, é obrigatório em todo território nacional. Então, não esqueça de ligar os faróis, pois além de perigoso, pode render uma multa de R$85 e a perda de 4 pontos na carteira.

Até a próxima e bom feriado!

Equipe Dispemec.com

 

 

 


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , ,

5 dicas para valorizar seu carro na hora da venda


valorizar o carro

Na hora de vender o carro, todo proprietário deseja fazer um bom negócio e fechar a venda por um preço justo.

Mas nem sempre essa tarefa é fácil, já que os carros usados podem apresentar características que fazem o seu valor cair drasticamente.

A verdade é que com alguns cuidados você pode valorizar muito o seu carro e aumentar o preço de venda. Confira essas dicas e faça um bom negócio!

Peças originais

Manter as peças originais do veículo é uma ótima tática para fazer uma venda mais rápida e por um bom preço. Então na hora de trocar alguma peça ou equipamento, prefira sempre os de primeira linha.

Customizações

Retire todas as customizações feitas no veículo, como engates, rodas e qualquer outro adereço que não seja original. Veículos com customizações demoram muito mais para serem vendidos.

Limpeza

Mantenha o carro limpo, por dentro e por fora, pois uma boa limpeza dá a sensação de carro novo e bem cuidado. Procure produtos que deixem o cheiro, o brilho e a limpeza impecáveis, mantenha os estofamentos, principalmente de couro, bem hidratados e deixe o carpete limpo.

Manutenções

Faça as manutenções no veículo sempre que necessário e guarde os comprovantes. Assim, você pode apresentar para o comprador tudo o que foi feito nos últimos meses. Isso irá mostrar o cuidado que você tem com o carro e passará mais confiança para o novo proprietário.

Pintura

Nunca faça pequenos reparos na pintura, pois geralmente eles ficam visíveis. Se houver alguma parte danificada, mesmo que seja pequena, refaça toda a pintura. Além de ficar com cara de novo, a cor ficará uniforme em todo o veículo.

 

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com

 

 

 

 

 


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , ,

Tudo o que você deve saber sobre embreagem


Tudo sobre embreagem

A embreagem é a peça responsável por transferir a força gerada pelo motor para a caixa de câmbio e para os outros componentes do sistema de transmissão do veículo.

Também é sua função filtrar as vibrações geradas pelo motor em movimento e ajudar a diminuir o desgaste dos itens de transmissão.

Isso significa que a embreagem é fundamental para que o funcionamento do carro seja perfeito. Mas para isso, é necessário tomar alguns cuidados, pois as boas ou más condições da peça estão diretamente ligadas aos hábitos do motorista. Confira essas dicas:

Ponto morto

Ao parar no semáforo ou em congestionamento, coloque no ponto morto e solte a embreagem. Deixar o pé no pedal, mesmo que parado, faz com que haja um desgaste desnecessário da embreagem.

Ao dar a partida

Para dar a partida no carro, pise no acelerador e ao mesmo tempo solte a embreagem. Esse movimento precisa ser sincronizado, pois fazer isso separadamente ou de maneira brusca prejudicam diretamente o motor.

Mudança de marcha

Para mudar a marcha é necessário pisar na embreagem até o final, pisar apenas até uma parte faz com que ela seja gasta com mais facilidade.

É recomendado que seja feita revisões com frequência, para evitar problemas futuros. Caso você não esteja acostumado a fazer a revisão e perceber rangidos no carro, trepidações ou dificuldades de engate, leve imediatamente para que um mecânico faça uma avaliação. Saiba mais no vídeo abaixo:

 

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com

 

 


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

5 dicas para economizar no combustível do seu carro


uso da gasolina

Economizar no combustível é a meta de muitos motoristas, mas para quem usa muito o carro, é uma tarefa meio complicada, certo? Errado!

O consumo de álcool ou gasolina está diretamente ligado aos hábitos do condutor. E com alguns cuidados, você pode sim economizar. Veja algumas dicas.

Ar-condicionado

Esse item é muito útil nos dias quentes, mas é operado pelo motor, ou seja, está diretamente ligado ao combustível. Então, se você deseja economizar, use o ar apenas quando for realmente necessário.

Troca de marcha

Na hora de trocar a marcha, respeite as velocidades certas para a mudança. Todo carro possui quais são essas velocidades no manual do proprietário. O uso correto do câmbio faz o motor não se esforçar, nem queimar combustível extra.

Aceleradas bruscas

Evite dar aceleradas muito fortes quando não houver necessidade. Assim como a troca de marcha repentina, isso faz com que o motor precise usar mais força e mais combustível.

Velas do carro

As velas são responsáveis por gerar a energia da câmara de combustão, onde o combustível é queimado para gerar força ao carro. Então, o bom estado das velas é essencial para o consumo de combustível.

Elas devem ser trocadas na quilometragem indicada pela montadora. Se uma das velas estiver com problemas, faça a troca de todo o jogo, para que continuem trabalhando em sincronia.

Filtros

Os filtros de combustível e de ar também devem ser revisados com frequência e trocados no tempo recomendado pela montadora. Eles são responsáveis pelo contato do combustível com o ar, então, uma pequena falha pode fazer essa mistura ficar irregular e gastar mais do que realmente o veículo precisa.

Mantenha a manutenção do carro em dia e fique de olho em seus hábitos no trânsito, pois eles podem ser a razão do gasto excessivo de combustível. Como já falamos aqui, verifique também qual combustível compensa mais para o seu veículo: etanol ou gasolina.

 

 

Até a próxima,

 

Equipe Dispemec.com

 

 

 

 

 

 

 


Categorias: Dica do Dix

Tags: , , , , , , , , , ,